Por Fora
das Pistas

Notícias

Foto: reprodução

15 de maio de 2019

Vem aí a Cavalaria Antoniana Descalvadense

No dia 9 de junho de 2019 acontecerá a 72ª edição da procissão Cavalaria Antoniana Descalvadense, uma das mais tradicionais manifestações religiosas do Catolicismo do interior paulista e a mais antiga do gênero no Brasil.

Em 1948 o padre José Canônico, assim que assumiu a paróquia da cidade de Descalvado, decidiu promover a Cavalaria Antoniana, no domingo mais próximo ao dia de Santo Antônio (como se mantém até hoje).

O padre tinha o objetivo, com a iniciativa, de estreitar os vínculos da Igreja Católica com o homem do campo.

O evento se tornou rapidamente um dos mais atrativos da cidade, ao lado das festas da Padroeira (Nossa Senhora do Belém), São Sebastião e Nossa Senhora da Saúde, todas com mais de um século de existência. Cavaleiros de toda a região participam da manifestação religiosa.

Todos os anos entre 800 e 1.000 cavaleiros (em alguns anos ultrapassou o número de 1.200) participam da procissão. Muitos se reúnem em comitivas uniformizadas, representando haras particulares e outras propriedades rurais. O propósito é essencialmente religioso, mas o desfile de múltiplas raças de equinos, diversificação de vestimentas dos cavaleiros e carroças e charretes enfeitadas, são interessantes atrativos para o público.

Em muitos casos famílias inteiras participam. É comum mães levando seus filhos ainda muito pequenos nas celas das montarias.

O evento tem início com a realização de uma missa, às 9 horas, na igreja de Santo Antônio, com a benção de pães e sal, que são distribuídos aos participantes, partindo em seguida os cavaleiros em procissão pelas ruas da cidade. Acontece também grandiosa quermesse, nas imediações da igreja de Santo Antônio, que duram de 31 de maio até o dia 13 de junho (dia de Santo Antônio).

Contatos para participação no evento pelo WhatsApp: 99890-0301 (Sebastião Ferraz) e 99199-4990 (West Country), dois dos organizadores da procissão.

  • Compartilhe
  • <

Os comentários estão desativados.