Por Fora
das Pistas

Notícias

Foto: Leandro Vieira/Divulgação

4 de setembro de 2018

Trajano Silva Remates comercializa R$ 8,01 milhões na Expointer

Número de lotes vendidos, liquidez e valores médios comercializados foram a marca dos leilões da Trajano Silva Remates na Expointer 2018. A leiloeira realizou cinco leilões da raça Crioula: Santa Angélica e Maufer, Reconquista, Boa Vista e Santa Fé, Vendramin e Padrillos II. A comercialização chegou a R$ 8,01 milhões, incluindo também a venda de bovinos da raça Angus e também de Pôneis no leilão da Reconquista Agropecuária. Só na raça Crioula, foram R$ 7,9 milhões em vendas

O leiloeiro e diretor da Trajano Silva Remates, Marcelo Silva, afirmou que os resultados surpreenderam. Ressalta, ainda, a participação de criadores estrangeiros. Representantes do Uruguai, Paraguai e Argentina foram respectivamente as delegações com maior número nos leilões. “Foi um momento comercial muito especial e muito positivo para nossa surpresa. Não contávamos que fosse acontecer dessa maneira”, disse.

Silva destacou, também, a venda de Milionário da Vendramin. O exemplar alcançou valorização de R$ 4,7 milhões com a venda de quatro cotas de 5% que totalizaram R$ 940 mil. Além disso, sinalizou a estreia da Cabanha Santa Fé em leilões na Expointer. O estabelecimento atingiu uma das maiores médias dos últimos anos. No leilão Boa Vista e Santa Fé, a potranca campeã do Tempranito, exposição morfológica de incentivo – para animais com idade inferior a dois anos e realizada em Bagé (RS), foi vendida por R$ 400 mil.

fonte:: Marcelo Machado/AgroEffective

 

  • Compartilhe
  • <

Os comentários estão desativados.