Por Fora
das Pistas

Notícias

Foto: reprodução

1 de janeiro de 2017

Saúde Animal – Doenças de pele em equinos

Os fungos estão presentes no meio ambiente e muitos tem a capacidade de causar doenças nos equinos. Geralmente os problemas de pele causados por fungos são resolvidos naturalmente, sem necessitar de tratamento. Por outro lado alguns podem causar danos ao animal e também ao ser humano, como é o caso da infecção tinha ou dermatofitose, causada pela infecção por fungos e da sarna, causada pela infecção por ácaros.

Os animais que apresentam pruridos coçam-se muito. Com isso, há maior probabilidade de apresentarem uma infecção. As infecções causadas por fungos podem levar a descamação, alopécia e prurido.

Os problemas também podem ser de causa alérgica por alimentos, contato com produtos químicos, medicamentos, produtos de limpezas e inseticidas, picada de insetos, entre outros.  Sendo a picada por moscas uma das causas mais comuns de alergias, principalmente por Culicoides, moscas pequenas de picada dolorosa, ativas em tempo quente e sem vento, alimentam-se à noite.

As lesões causadas pela mosca afetam a cabeça, orelhas, peito, crina e base da cauda e o prurido intenso é o principal responsável pelas lesões. Os animais se coçam frequentemente e dependendo podem se morder. O tratamento se dá com o controle da mosca com uso de inseticidas e repelentes, redes para insetos e com medicação apropriada que elimina o prurido. Os ácaros da sarna também podem causar prurido intenso, os parasitas provocam lesões na cabeça, pescoço, base da crina e cauda, membros, podendo se espalhar quando se agrava.

Observado qualquer sintoma de algum tipo de reação alérgica o médico veterinário deve ser consultado, uma vez que, existem vários tratamentos para os mais variados tipos de infecções. Uma forma de controle e sanidade é manter o ambiente limpo, as camas, os arreios, entre outros.

Fonte: Escola do Cavalo

  • Compartilhe
  • <