Por Fora
das Pistas

Notícias

28 de fevereiro de 2016

São seis anos de parceria entre a ANTT e o Grand Prix Haras Raphaela!

Para quem corre o campeonato, as etapas bônus são um plus para somar pontos importantes no ranking. Para quem ainda não participou de nenhuma etapa, é uma chance de conhecer como funciona a ANTT. Pensando nisso e também em firmar grandes parcerias, que a Associação Nacional dos Três Tambores uniu-se ao Haras Raphaela.

De 8 a 13 de março de 2016, acontecerá, em Tietê/SP, o 8° Grand Prix de Três Tambores Haras Raphaela, com premiação garantida de meio milhão de reais. E seguindo o seu propósito de fomentar o esporte e colocar a associação em um patamar mais elevado, que a ANTT oferece a todas as competidoras oportunidade extra de pontuar para o ranking.

“Esse será o sexto ano que faremos etapa bônus no Haras Raphaela, uma pista que já virou sinônimo de ótimos eventos e tempos baixos, uma prova que todo mundo quer competir e que recebe um grande público para assistir. Para nós é também uma grande vitrine, além de dar chance das meninas que já correm conosco de somar pontos para o ranking”, comenta Silvana Bertato, recém-empossada presidente da ANTT.

A parceria é válida para as categorias Feminina e para todas as categorias que vão até 12 anos, que pontuará a Mirim pela ANTT. A diretoria da ANTT ressalta que a etapa bônus não tem premiação extra em dinheiro, e regulamento a ser seguido é o da prova e não o da ANTT. Para pontuar é necessário estar inscrita no Grand Prix e filiada à ANTT.

A competidora poderá correr a etapa com mais de um animal e assinalar, no ato da inscrição, os animais que quiser pontuar pela ANTT. Porém, para efeito de ranking, ela pontuará apenas com um animal, dentre os assinalados para pontuar, com pagamento efetuado antes de correr a categoria, aquele que tiver marcado o menor tempo. Para cada animal, pagará uma taxa de R$ 50,00. Especialmente para as mirins, para valer pela ANTT, a competidora escolhe uma entre as categorias até 12 anos, que ela vai correr e deseja pontuar.

“As inscrições já estão abertas e devem ser feitas de forma antecipada pelo site www.r4eventos.com.br. No ato, a competidora deve assinalar que quer pontuar também pela ANTT e já paga a taxa extra de inscrição. Somente a filiação, para quem ainda não renovou para a temporada, é que serão pagos no dia da prova, para uma das diretoras presentes no evento”, reforça Flavia Cajé, atual vice-diretora da associação. Ela também lembra que a competidora que quiser pontuar apenas nesta etapa, não correndo o restante do campeonato, paga R$ 80,00, que é o valor de filiação para apenas uma etapa.

Serão pontuados os dez menores tempos na Feminina e os cinco menores tempos para a Mirim (de acordo com o que foi assinalado entre as categorias até 12 anos) das inscritas no Grand Prix e que desejam pontuar pela ANTT (informado no ato da inscrição). Para a Feminina, a pontuação atribuída será metade do valor normal das etapas regulares, já para a Mirim, será mantido o mesmo valor de pontuação das etapas regulares. As campeãs do ano passado foram Fernanda Ventura e Maria Eduarda Krieck.

O regulamento da temporada 2016 da ANTT encontra-se no site www.antt.org.br.

Patrocinam e apoiam a ANTT: Tassa Jeans, UCB Vet, Fogos Xadai, Sumetal, Eldorado Chapéus, ABQM, NBHA Brazil. Outras informações: (17) 8112-7669 / (19) 8119-1661 /www.antt.org.br / contatoantt@gmail.com.

  • Compartilhe
  • <