Por Fora
das Pistas

Notícias

Fotos: Gerson Verga/ABQM

8 de maio de 2016

Quarto de Milha injeta R$ 18 milhões por ano na economia de cidade do interior de SP

Desde 2003, a cidade de Avaré, localizada no interior paulista, se tornou o destino de milhares de pessoas. Uma razão? As competições da Associação Brasileira de Criadores de Cavalo Quarto de Milha (ABQM), realizadas nos meses de abril, julho e outubro. Nesta temporada, a parceria firmada com a Prefeitura Municipal de Avaré completa 13 anos. Durante esse período, a ABQM investiu mais de R$ 4 milhões na infraestrutura do Parque de Exposições Dr. Fernando Cruz Pimentel, local dos eventos esportivos.

Aproximadamente 35 mil pessoas de todo o país são atraídas pelas provas realizadas pela associação no parque. O grande fluxo de visitantes é responsável pela movimentação de cerca de R$ 6 milhões, apenas no comércio local, no período das competições. “Hotéis, lojas, restaurantes, lanchonetes, postos de combustíveis, farmácias e supermercados são os estabelecimentos comerciais mais beneficiados pelos eventos da ABQM, em Avaré”, comentou o superintendente geral da entidade, Daniel Costardi.

O Congresso Brasileiro da ABQM, que vai até o próximo domingo (24/04), o Campeonato Nacional (julho) e o Potro do Futuro/Copa dos Campeões (outubro) geram em torno de 1,5 mil vagas temporárias. “Esses empregos são decorrentes, principalmente, do setor de montagem, decoração, serviços elétricos, alimentação, bebidas, vendas, segurança, limpeza, transportes, manejo, saúde e bem-estar animal, comunicação, além de outros”, destacou o presidente da ABQM, Fábio Pinto da Costa.

 Laço bom de público e negócios

As provas de Laço – muito aguardadas pelo público – receberam este ano mais de 1,7 mil inscrições. Esse número representa 36% de um total de 5 mil conjuntos inscritos. Sendo uma das 19 modalidades do Congresso, é responsável pelo movimento de R$ 2,1 milhões na economia de Avaré. “A prova reúne muitas famílias. As arquibancadas ficam cheias. E é pensando no acolhimento dos visitantes e no fomento aos negócios locais que temos investido em infraestrutura e melhorado nossos serviços”, assegurou o presidente.

 Geração de emprego e renda

A avareense Elaine Cristina Purger, que coordena a equipe de limpeza do evento, se tornou empresária há 4 anos. “Trabalhamos em média 30 dias por evento há 11 anos. Quando surgiu a necessidade de contratar mais pessoas para a limpeza, na época feita pela prefeitura, a ABQM me deu uma oportunidade e a minha empresa nasceu. Temos mais de 30 funcionários e dois fornecedores de materiais que são de nossa cidade”, conta Elaine que já atende outras associações e promotores de outros segmentos, em mais de 25 cidades.

Lenira Aguiar, moradora de Avaré desde 1997, é uma ex-funcionária de Elaine, que também montou o seu próprio negócio nos eventos da ABQM. Há 3 anos, ela é dona de uma lavanderia que chega a empregar seis pessoas. “Eu comecei a trabalhar na limpeza em 2004. A lavanderia foi uma necessidade das pessoas que vinham para as competições que se apresentou para mim. Logo abracei a oportunidade e acreditei no empreendedorismo. E deu certo! Por evento, lavamos, passamos ou fazemos reparos em mais de 500 peças”, comemorou.

 Investimentos no parque

Segundo a associação, um convênio acordado com a prefeitura permitiu implementar importantes melhorias no parque. Nos primeiros anos, foram feitas a instalação de coberturas e iluminação das três pistas do Recinto da Emapa, como também é conhecido o local. Nos anos seguintes, outros benefícios como sistema anti-incêndio e equipamentos de segurança foram chegando ao parque. Todas as obras tornaram o lugar apto a receber os eventos considerados como uns dos maiores da equinocultura brasileira.

 Ações sociais em Avaré

Em 2015, a ABQM lançou dois projetos sociais voltados à cidade, durante o 36º Potro do Futuro. As iniciativas já beneficiaram mais de 550 crianças e jovens. O ‘Cavaleiros da Natureza’ e o ‘Equo ABQM’, realizado em parceria com a APAE de Avaré são iniciativas com foco na cidadania ecológica e na responsabilidade social. “Os projetos atendem crianças da Rede Municipal de Ensino e pessoas com necessidades especiais, assistidas pelo projeto de equoterapia, também implantado pela ABQM em outras seis cidades do país”, lembra Fábio.

Fonte: TEXTO COMUNICAÇÃO CORPORATIVA

  • Compartilhe
  • <