Por Fora
das Pistas

Notícias

Foto: Fagner Almeida/ABCCC/Divulgação

12 de novembro de 2015

Provas oficiais da raça Crioula terão novos regulamentos em 2016

A temporada de 2016 das provas oficiais da raça Crioula terá novos regulamentos. A Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC) discutiu as alterações com integrantes da diretoria e representantes das subcomissões das modalidades oficiais da raça. A ideia é estabelecer padrões e qualificar as provas.

O vice-presidente de Eventos da ABCCC, Luis Rodolfo Machado, garante que essas mudanças vão permitir que o proprietário consiga se programar melhor. Cita por exemplo que um cavalo bem pontuado para o Bocal de Ouro, mas que não consegue se classificar, pode correr em outra grande prova após esta competição. “Uma outra novidade é que no Paraná e em Santa Catarina os animais poderão correr as classificatórias dos dois Estados”, explica Machado.

Na Campereada a principal mudança, segundo Machado, será uma final própria e não mais dentro da Expointer. “Vão passar mais concorrentes para a semifinal que ocorrerá no mesmo fim de semana, classificando para a final”, salienta.

O Freio Jovem terá uma categoria intermediária com participantes entre 8 e 12 anos. A categoria infantil irá até aos 8 anos. Machado observa que é desparelho crianças menores de 8 anos concorrerem com outras de mais idade.  “Além da categoria intermediária, os percursos da primeira fase serão iguais e haverá só uma parte da prova de Figura. Já a Bayard-Sarmento será só com a vinda, não terá a volta,” enfatiza.

O Crioulaço foi a primeira prova a aplicar mudanças ainda em 2015, como a final da modalidade que foi realizada junto com o Bocal de Ouro, mas que em 2016 será na semana seguinte à seletiva. Em relação à Paleteada, Machado afirma que as mudanças ainda estão em discussão.

Em todas as modalidades se for constatado qualquer tipo de sangramento no animal, mesmo sem ação direta do ginete, haverá a desclassificação imediata do conjunto. Os exemplares com exames positivos no antidoping ficarão impedidos de continuar no ciclo e no caso das constatações em finais de modalidade o prazo se estende até a decisão da próxima temporada. Os regulamentos completos e atualizados podem ser conferidos no site da entidade (www.abccc.com.br).

Fonte: Assessoria de Comunicação da Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC)

  • Compartilhe
  • <