Por Fora
das Pistas

Notícias

27 de janeiro de 2017

Provas funcionais junto a leilões são tendência na raça Crioula

Uma das grandes tendências no mercado de leilões da raça Crioula na atualidade é a realização de provas funcionais juntamente com os remates, de forma a estimular cada vez mais a participação das famílias e envolver também os usuários dos cavalos, que estão crescendo de acordo com projeção divulgada pela Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC). Pela segunda vez, o leilão Mancha Crioula, que ocorre de 15 a 17 de fevereiro no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio (RS), vai proporcionar aos participantes esta disputa.

Conforme Marcelo Silva, leiloeiro e diretor da Trajano Silva Remates, organizadora do evento, esta é uma das grandes apostas desta edição do leilão Mancha Crioula, especialmente pela grande procura de cavalos domados nos leilões para atender este público de usuários da raça. “É a nossa maior aposta nesta edição. Acreditamos que não só no Mancha Crioula, mas no mercado como um todo, a saída vem sendo a criação de provas com distribuição de prêmios. E vem sendo cada vez mais constante esta modalidade de evento”, observa.

A prova tem como objetivo agregar a família crioulista, além de possibilitar que admiradores da raça possam participar. Dividida em três categorias, infantil masculina e feminina, a prova funcional é muito simples, fácil, divertida e basicamente contra o relógio. “É uma prova que as crianças podem fazer e qualquer interessado que esteja querendo participar possa participar”, salienta o gerente comercial da Trajano Silva Remates, Décio Lemos.

Além da prova funcional, que será realizada na tarde do dia 17 de fevereiro, o Mancha Crioula, que já se tornou um dos principais eventos no calendário da raça Crioula, contará com o tradicional leilão na noite do dia 16 e a Exposição Nacional de Tobianos, Oveiros e Bragados, no dia 17 de fevereiro. Serão distribuídos mais R$ 30 mil em prêmios aos vencedores. Informações sobre a programação podem ser conferidas no site da Trajano Silva (www.trajanosilva.com.br).

Fonte: Assessoria de Comunicação da Trajano Silva Remates

  • Compartilhe
  • <