Por Fora
das Pistas

Notícias

Fotos: Equipe brasileira Vanity vence Internacional Cup; foto: Itamar Aguiar

23 de outubro de 2015

Prêmio Massey Ferguson, por equipe, encerra o segundo dia do 47º The Best Jump

A equipe Vanity venceu, no final da tarde desta sexta-feira (23), a Internacional Cup, Prêmio Massey Ferguson Especial por Equipes, no segundo dia do 47º CSI4*-W (The Best Jump). Composta pelos cavaleiros brasileiros Francisco Obino Cirne Lima, conduzindo Calida, João Eduardo de Carvalho, montando Ragtime Equiprime e, César Almeida, com HFB Restless, a equipe completou os dois percursos com 30 pontos perdidos.

Em segundo lugar ficou a equipe Lancelot 215, com o atleta português Lucas Brambilla, montando Cincano da Pedreira, e os brasileiros Thalison Diego da Silva, com Eloi C e, Fábio Sarti, conduzindo Valkíria Vila Fal, que terminaram os dois percursos com 36 pontos perdidos.

Já a terceira posição foi de Orlanda 27, com o representante da Alemanha, Philip Rüping, montando Desteny, e os brasileiros Mário Appel, com Challange Z e, Mariana Cassettari, conduzindo X-Tra GMS, que perderam 43 pontos na prova.

Thalison Diego da Silva, com Eloi C, da equipe vice-campeã, foi o único conjunto da prova a zerar o percurso. Eles completaram a segunda parte da prova em 68,74 segundos, sem nenhum ponto perdido. No primeiro percurso, o atleta perdeu oito pontos.

O Prêmio Massey Ferguson – Internacional Cup Especial por Equipes – com obstáculos de 1,45m e dois percursos idênticos, aconteceu na pista Internacional (grama). A premiação foi entregue pelo Diretor de Marketing da Massey Ferguson, Alfredo Jobke e pelo presidente de honra do The Best Jump, Jorge Gerdau Johannpeter.

O segundo dia do CSI4*-W teve oito provas. Durante a manhã aconteceram os prêmios Fruki, Água da Pedra, Sociedade Hípica PortoAlegrense, Triunfo Participações e Investimentos e SAP. E à tarde, os prêmios Massey Ferguson, Celulose Riograndense e Vossa. No sábado, 24, acontecem mais seis provas. Na pista Telmo Lima terá às 10h o Prêmio Metalúrgica do Vale e, às 12h30 o Prêmio Jornal do Comércio. Na pista Internacional acontece os prêmios Ecurie François Mathy, às 10h, Chandon, às 11h30, White Martins, às 13h30 e Zaffari (Golden Cup), às 16h. O 47º CSI4*-W (The Best Jump) segue até domingo (25), na Sociedade Hípica PortoAlegrense.

Prêmio Celulose Riograndense
Definido no desempate, o Prêmio Celulose Riograndense teve como vencedor o conjunto, Vitor Alves Teixeira e Andorra Z Império Egípcio, com o tempo 36,98 segundos. Concluiu a prova, com o segundo melhor tempo, a amazona Daniela Lemos Castro, montando Levantus Jmen, no tempo 40,14 segundos.  Já a medalha de bronze ficou com o cavaleiro carioca Thiago Mattos, que concluiu o percurso montando Prosecco em 45,65 segundos. O prêmio Celulose Riograndense contou com obstáculos de 1,40 metros.

Prêmio Vossa
O Prêmio Vossa, com obstáculos de 1,20m, foi conquistado pelo cavaleiro Fernando Wallau, montando Tricos. O conjunto completou a prova na pista Telmo Lima, em 54,38 segundos. Na segunda posição ficou André Porto, montando Carethago, com 57,87 segundos. E em terceiro, Beatriz Bier Johannpeter, com Aphrodite Van’t Merelsnest, em 60 segundos. A premiação foi entregue pelo diretor da Vossa Estratégia e Comunicação, Gil Kurtz.

Esta é a 47ª edição do CSI4*-W (The Best Jump), organizado pela Federação Gaúcha de Esportes Equestres (FGEE) e acontece na Sociedade Hípica PortoAlegrense, com entrada franca. Este ano o Concurso de Salto Internacional terá 24 provas e soma uma premiação de R$ 632 mil. Informações em www.bestjump.com.br

Fonte: fróes,berlato associadas escritório de comunicação

  • Compartilhe
  • <