Por Fora
das Pistas

Notícias

Doda Miranda com ex jogador Amaral durante etapa do LXTC na SHP (Natasha Simionato)

6 de dezembro de 2019

Playoff do Longines XTC também agita a Final Top Riders

Depois de sete etapas com elevado nível de competição nas mais importantes hípicas do País, o Longines Xtreme Teams’ Challenge (LXTC), milionária disputa por equipes, promete ter mais uma emocionante decisão com a realização do seu esperado Playoff, durante o Top Riders na Sociedade Hípica Paulista.

As 13 equipes que participam do LXTC brigam pelo prêmio extra de R$ 500 mil para ficar entre os seis times finalistas no Playoff.

Criado e organizado por Doda Miranda, o inédito campeonato de equipes ofereceu um total de R$ 2 milhões em toda a temporada. O grande diferencial é a composição das equipes com cavaleiros de ponta, entre olímpicos e pan-americanos, jovens talentos até 25 anos saltando 1.40m, amadores e nata jovem a partir de 12 anos, o Longines XTC fez sucesso e aumentou as inscrições dos principais concursos nacionais.

A grande final acontece no sábado, 7/12, e com as 6 melhores equipes da semifinal e, caso as equipes campeã e vice-campeã do Ranking Anual do LXTC – Artem liderada pelo cavaleiro pan-americano Artemus de Almeida e Exitum liderada pelo olímpico Stephan Barcha – não avancem para esta fase, o Comitê Executivo do campeonato pode, a seu critério, utilizar de “Wild Cards” e convidá-las a participar da disputa. A equipe Opus – liderada pelo olímpico José Reynoso – fechou a final em 3º lugar e vem bem na briga para a final das seis equipes, após a 1ª qualificativa nessa quinta, 5/12.

“O LXTC gerou motivação extra ao hipismo nacional reunindo jovens talentos, amadores e profissionais em uma saudável competição por equipes. Sem dúvida, é interessante para o público e agrega muito ao nosso esporte”, destaca Ronaldo Bittencourt Filho, presidente da Confederação Brasileira de Hipismo.

  • Compartilhe
  • <

Os comentários estão desativados.