Por Fora
das Pistas

Notícias

Olivier Perreau e Venizia d'Aiguilly

17 de junho de 2019

Olivier Perreau vence o Grande Prêmio 4* de Grimaud

Depois de sua vitória no Saut Hermès e seu fabuloso sexto lugar no Longines Global Champions Tour de Cannes, o cavaleiro de Rhône-Alpes, Olivier Perreau e sua égua Venezia d’Aiguilly continuam sua seqüência de sucessos e venceram o seletivo Frande Prêmio do CSI4* HUBSIDE em Grimaud.

Isso adiciona outro capítulo para a grande história que eles vêm escrevendo juntos nos últimos dez anos. Seletivo! Gérard Lachat, o designer do percurso suíço, criou um traçado particularmente seletivo para os quarenta conjuntos que participaram no Grande Prêmio.

A prova principal do fim de semana, com obstáculos de 1m55 e com 150.000 euros de premiação, foi um desafio para os competidores, que encontraram dificuldades e não conseguiram evitar cometer pequenos erros, aqui e ali.

Dez deles terminaram com quatro pontos, três tiveram uma rodada clara na pista, mas tiveram uma falta de tempo e apenas três saltaram no tempo permitido.

Félicie Bertrand, da Normandia, a nova queridinha do público e vencedora de dois Grandes Prêmios em 2019, em Montpellier e em Bordeaux, foi o segundo a entrar, com o Sultane des Ibis, e encontrou a chave para esta rodada.

O primeiro cavaleiro e o único a fazê-lo por muito, muito tempo. Até que Rhône-Alpes, que foi vigésimo sétimo para a pista entrou e zerou.

Os dois cavaleiros franceses, foram unidos pelo René Tebbel da Ucrânia, montando o Saxo de la Cour, o terceiro e último em uma prova que era … seletiva.

No desempate, Félicie teve um tempo recorde de 36,43 segundos, mas, infelizmente, derrubou um obstáculos no primeiro elemento da combinação … Ela terminou em terceiro lugar no final.

Olivier Perreau, que teve a segunda rodada zerada, não precisou esperar por muito tempo para saber sua posição geral: primeiro ou segundo? Primeiro! O ucraniano, que também zerou, era um segundo mais lento que o Rhône-Alpes.

“Félicie foi incrivelmente rápido, mas com quatro pontos. Como havia apenas três de nós no desempate e Venezia é muito rápida naturalmente, decidi fazer o meu turno em um ritmo acelerado, enquanto tentava garantir que eu fosse sem comenter faltas, mesmo assim. Funcionou perfeitamente hoje, então estou feliz! Esta égua foi criada com o nosso garanhão de família, suas irmãzinhas não estão muito atrás e eu espero que eles sejam tão talentosos quanto Venizia é realmente excepcional ”, explicou o vencedor.

Fonte: Assessoria

  • Compartilhe
  • <

Os comentários estão desativados.