Por Fora
das Pistas

Notícias

25 de março de 2018

Norte/Nordeste de Hipismo tem segundo dia de hegemonia pernambucana nas disputas

Após o segundo dia de disputas da I Etapa do Circuito Guabi Norte/Nordeste de Hipismo – XII Copa Cidade do Recife, realizado neste sábado (24 de março), no Caxangá Golf & Country Club, os cavaleiros e amazonas pernambucanos continuam liderando a grande maioria das Séries e Categorias da competição regional.

A primeira etapa da competição é uma realização da Federação Equestre de Pernambuco (FEP) com o apoio da Federal Petróleo, Claro, Guabi, ADTSA e Prefeitura do Recife.

Logo no início da manhã, os atletas foram para a pista disputar a Série Escola Preliminar (0,60m). O pódio do dia foi completamente composto por pernambucanos. Destaque para o conjunto Beatriz Cavalcanti/Raio, líder da prova. O segundo lugar ficou com Miguel Rocha/SL Urato, seguido por Alex Bezerra/SL Urato.

A Série Escola Principal (0,80m) teve início logo em seguida, mantendo a hegemonia pernambucana no topo da classificação, com Isaac Henrique da Silva/Mirabella em primeiro e Amanda Almeida Matos/Falcon ocupando o segundo ponto mais alto do pódio.

Única série sem atletas do Estado no pódio, a Aspirantes (0,90m) teve uma disputa bastante acirrada pelas primeiras colocações. Melhor para Maria Paula Gomes/Harafah SL (FEC) e Marcela Campos/Lucksee (FHSE), que ficaram, respectivamente, com a primeira e segunda colocação.

Com o início das séries com obstáculos mais altos, os cavaleiros e amazonas pernambucanos voltaram a brilhar. O destaque da Série Extra (1m) foi Maria Luíza Dourado, primeira e terceira colocada da prova. Também representando a FEP, Pedro Eduardo Teixeira garantiu a segunda posição. Pela categoria Jovem Cavaleiro B (1m), Adrielle Brendha (FEP) foi ouro, Arthur Okazaki (CBH) prata e Maria Luiza Alves (FEP) fechou com o bronze.

No Amador B (1m), tivemos atletas da Federação Equestre de Pernambuco na primeira e terceira colocação, com os pódios de Tathiana Delecave e Karla Avelar, respectivamente. Vitória Ortal (FEC) foi a segunda melhor na categoria.

A Série Preliminar (1,10m) teve como campeão o cavaleiro pernambucano Pedro Eduardo Teixeira. O vice ficou com Kelsen de Moraes e a terceira posição pertence a Paulo Amorim. Na categoria Amador A, os dois primeiros lugares ficaram com Carlos Avelar e Marconi Farias, ambos de Pernambuco. Vitória Ortal (FEC) ficou com o bronze. A Série foi fechada pela categoria Jovem Cavaleiro A, que teve o pódio composto por Yasmin Braun (FHSE), Maria Eduarda Nepomuceno (FEP) e Yasmin Braun (FHSE).

A Série Intermediária (1,20m) contou com uma grande disputa pela primeira colocação. Melhor para o pernambucano Pedro Eduardo Teixeira, que ficou com o ouro, seguido pelos também pernambucanos André Felipe Ferreira e João Pedro Chaves. Já na categoria Amador, que também compõe a série, Hermano Pontes (FEP) foi o melhor da prova, conquistado o primeiro e terceiro lugar. Geraldo Bandeira de Melo (FEP) foi o segundo mais bem colocado.

Ainda na Intermediária, Nathalia Andrade, Amanda Pedrosa e Larissa Pinheiro compuseram, respectivamente, o pódio da Jovem Cavaleiro. Vale destacar que as três são amazonas de Pernambuco. Assim como no Mirim, com Henrique Maranhão dominando as duas primeiras posições, enquanto Paulo Amorim ficou com a terceira.

Fechando o dia, a Série Especial é composta pelos obstáculos mais altos do circuito, todos com 1,30m. Para a categoria Amador Top: primeiro lugar para André Philigret (FHB), segundo para Pedro Luiz Martiniano (FEP) e terceiro Mateus Nascimento (FHSE). Na Jovem Cavaleiro Top: Matheus Passos (FHB) em primeiro e João Pedro Chaves (FEP) em segundo lugar. Único no pódio, João Manuel Dias (FPH) venceu a categoria Pré-Júnior, enquanto na categoria Sênior, Ciro De Andrade (FEP), Manuela Monteiro (FHB) e Lívia Mendonça (FHB) compuseram o pódio final.

SELETIVA

Também neste sábado, durante a competição regional, dois cavaleiros pernambucanos finalizaram com êxito o primeiro desafio da seletiva para o Sul-Americano de Hipismo: zerar três dos quatro percursos possíveis. Com isso, os atletas não têm mais a obrigação de competir neste domingo (25).

No Mirim, o destaque foi João Marcelo Santos, que completou o percurso do dia sem cometer faltas com dois animais – Lamendor JMen e By Hana Lord Pekim. Montando Amicci, Henrique Maranhão também encerrou o segundo dia de competições zerado.

Neste domingo (25), três cavaleiros pernambucanos podem zerar o terceiro percurso e eliminar as penalidades até então. Henrique Maranhão com Coral Rec Xango, João Marcelo Santos com SL Inclemente e Paulo Amorim com TiffanyCHZS. Na categoria Pré-Júnior (1,30m), João Pedro Chaves, com Calanthus JMen, também chegou a três zeros na seletiva.

Para compor a delegação brasileira que representará o Brasil no Sul-Americano de Hipismo, no Chile, entre os dias 5 e 11 de novembro, os cavaleiros pernambucanos precisam zerar duas seletivas – de quatro possíveis – além de disputar o Campeonato Brasileiro.

Fonte: FEPE

  • Compartilhe
  • <

Os comentários estão desativados.