Por Fora
das Pistas

Notícias

Fotos: Felipe Ulbrich/ABCCC/Divulgação

25 de abril de 2017

Maior Crioulaço de todos os tempos é decidido na madrugada

Durante três dias, a pista do Cavalo Crioulo no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio (RS), foi ocupada por 1.183 conjuntos que buscaram o título em 12 categorias na final nacional do Crioulaço, modalidade promovida pela Associação Brasileira dos Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC), que teve seu encerramento neste domingo, dia 23 de abril.

Foram mais de 16 horas ininterruptas no último dia que definiu os campeões do ciclo e distribuiu mais de R$ 70 mil em prêmios. Competidores de todo o país disputaram armada a armada o lugar mais alto do pódio na competição que reúne o maior número de adeptos da raça Crioula.

Só a Força A, que reuniu os principais laçadores do país, a prova durou cerca de cinco horas e invadiu a madrugada de segunda-feira, dia 24 de abril. Três duplas disputaram volta a volta, em um total de 42 armadas, o topo do pódio. No final decidiram interromper a competição e dividir a premiação em dinheiro. Pelos critérios decididos pelos próprios laçadores em conjunto com a organização, a dupla Luan da Silva e Aquiles Pereira ficou em primeiro lugar, enquanto Anderson Silva e Marcos Leandro dos Santos ficaram na segunda colocação e Alan Soares e Taian de Ávila na terceira posição.

Luan da Silva, que veio de Caxias do Sul (RS), que competiu com Aquiles Pereira, do Estado de Santa Catarina, afirmou que a competição foi acirrada e que o título representa um feito para a carreira. “Para nós é uma grande honra estar participando do Crioulaço e se consagrar campeão. O nível foi alto e o gado de qualidade proporcionou grande dificuldade”, explica.

Novidades para o ano, os primeiros lugares nas categorias femininas elegeram a rainha e a princesa do laço no Cavalo Crioulo. A princesa foi Daniele da Costa, de 10 anos, de Sapucaia do Sul (RS). A menina, que laça desde os 4 anos de idade, se disse feliz pelo título e agradeceu o incentivo da família para participar das provas da categoria. “Meus pais e eu ficamos muito felizes”, resumiu.

Já a rainha do laço foi definida em uma disputa acirrada entre as laçadoras. No fim o título ficou com Maria Eduarda Krewer, de 16 anos, que veio de Triunfo para a competição. “É um grande sonho, pela primeira vez que venho no Crioulaço mas sempre acompanhava. Agora saio com o sonho realizado”, afirma, acrescentando que, incentivada pelo pai, monta à cavalo desde os 2 anos de idade e laça desde os 4 anos.

O presidente da ABCCC, Eduardo Suñe, enfatiza que as provas de laço tem sido importantes para alavancar o Cavalo Crioulo em todas as regiões do país, especialmente com o crescimento de usuários, nos quais os exemplares da raça vem obtendo resultados importantes nas pistas também do Centro e Norte brasileiro. “O laço é um dos esportes que mais cresce no Brasil e tem auxiliado muito a difusão da raça Crioula do Paraná para cima onde viemos mostrando o nosso cavalo e por isso estamos fomentando cada vez mais o Crioulaço. Estamos extremamente satisfeitos com o resultado deste final de semana”, analisa.

Confira os vencedores

FORÇA A
Luan da Silva montando Fiesta em Domingo do Pinhal e Aquiles Pereira montando MH Andino

FORÇA B
Bruna Teixeira montando Emblema da Cabanha Santa Fé e Leandro Reis montando Santa Adriana Osasco

FORÇA C
Dennis Lopes montando Fuzileiro do Sapato e Mauricio Maciel montando Galo de Briga do Sapato

LAÇO VETERANO
Sérgio Araújo montando Capoeira Cipreste

LAÇO IRMÃOS
Edilson Ferraz montando Santa Laura Gata Moura e Eduardo Ferraz montando Alaska da Lage da Pedra

LAÇO CRIADOR
Antonio Augusto Vieira montando Faca Afiada da Estância do Cavera

LAÇO PAI E FILHO
Beto Soares montando Democrata Do Diamante e Alan Soares montando Dom Castro Minha Flor

LAÇO PAI E FILHA
Beto Soares montando Democrata Do Diamante e Ariane Soares montando Gaita Da Boa Esperança

LAÇO PIÁ
Guilherme Vargas montando Candiero Da Dom Pedro II

LAÇO GURI
Mauricio Ribeiro montando Maria Bonita da Republica Crioula

LAÇO PRENDA – PRINCESA DO LAÇO (menos de 12 anos)
Daniele da Costa montando Serenata das Três Cambonas

LAÇO PRENDA – RAINHA DO LAÇO (mais de 12 anos)
Maria Eduarda Krewer montando Baita Mancha 624 Maufer

Fonte: Nestor Tipa Júnior/AgroEffective

  • Compartilhe
  • <