Por Fora
das Pistas

Notícias

20 de agosto de 2018

João Pedro Chaves bilha e vence última seletiva Sul-Americano de Hipismo

Pernambuco brilhou na seletiva do Sul-Americano de Hipismo, realizado durante o Concurso de Salto Nacional Haras Albar, neste final de semana, em Campinas. E o principal nome da Federação Equestre de Pernambuco foi o de João Pedro Chaves. O cavaleiro venceu os três dias de competição, encerrado neste domingo (19), na categoria Pré-Junior (1,30), com Cuântica Loar, e está muito próximo de garantir a vaga para o Sul-Americano, marcado para o Chile, de 29 de outubro a 4 de novembro.

Este foi o último passo para se classificar e ficará faltando apenas a oficialização da Confederação Brasileira de Hipismo, durante a semana. Em seu primeiro ano na categoria, João Pedro Chaves pode disputar o Sul-Americano pela terceira vez na carreira. No ano passado, ainda pelo Mirim (1,20m), o pernambucano ficou medalha de prata por equipes no torneio realizado na Argentina.

“Estou muito satisfeito em estar numa nova categoria e já conseguir um grande resultado. É uma sensação boa de que o trabalho está sendo bem feito. Além disso, a égua tem apenas sete anos. É nova. Tudo isso é fruto de muita dedicação no dia a dia e o meu treinador, Alberto Souza, tem muita importância nessa evolução e nas conquistas”, ressaltou o cavaleiro.

Já na categoria Mirim (1,20m), João Felipe Gomes zerou a seletiva e também deu um importante passo para a classificação. Agora, aguarda a divulgação da CBH sobre os atletas que vão compor o time brasileiro na competição.

A FEP já tem dois cavaleiros classificados para o Sul-Americano: Henrique Maranhão, com Coral Rec Xango, na categoria Mirim (1,20m); e Paulo Miranda, com Tanita, na Júnior (1,40m). Ambos conquistaram o título Brasileiro de sua respectiva categoria, em julho, e garantiram a vaga na equipe Brasileira que irá ao Campeonato Sul-Americano de Hipismo. Henrique Maranhão, inclusive, foi campeão Sul-americano individual em 2016, e medalha de bronze, também no individual, em 2017. Enquanto Paulo Miranda também conquistou o título Brasileiro na categoria Pré-Júnior, em 2015.

Fonte: Assessoria de Imprensa

  • Compartilhe
  • <

Os comentários estão desativados.