Por Fora
das Pistas

Notícias

Cavalos passaram por avaliação de movimento para identificar possíveis dores – Foto: Itamar Aguiar

26 de outubro de 2016

Inspeções veterinárias marcam início do 48º The Best Jump

As condições  físicas dos principais astros do CSI2*-W (The Best Jump) foram analisadas nesta quarta-feira, 26, na Sociedade Hípica PortoAlegrense. A inspeção serve como credenciamento dos cavalos ao concurso, atestando se está apto a participar das provas.

O veterinário oficial do The Best Jump, Jarbas Castro Júnior, explica que a avaliação verifica o movimento do animal e se ele está sentindo dores. “Antes, porém, uma equipe identifica, revisa e analisa as questões sanitárias”, completa. Esta, segundo Jarbas, é uma forma de tornar as condições iguais para todos os participantes.

A inspeção, que verificou a saúde de cerca de 200 animais, foi acompanhada pelo representante da Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos, Marcelo Cairoli. “A ABCCC tem uma preocupação constante com o bem-estar dos cavalos e busca sempre estar próximo do que há de novo no setor. Viemos acompanhar e trocar experiências”, comentou.

A primeira fase aconteceu no período da manhã desta quarta-feira, onde 80 cavalos brasileiros foram inspecionados. Outros 120, de origem internacional, foram avaliados no período da tarde. Além das inspeções, o concurso também conta com baias específicas de medicação onde, durante o evento, apenas neste local podem ser ministrados remédios.
O The Best Jump se inicia nesta quinta-feira, 27, com as primeiras oito provas e segue até o domingo, 30, com entrada gratuita na SHPA.

Fonte: fróes, berlato associadas

 

  • Compartilhe
  • <