Por Fora
das Pistas

Notícias

Fotos: Felipe Ulbrich/ABCCC/Divulgação

12 de julho de 2016

Exposição consolida Mato Grosso no circuito de da raça Crioula

Pelo terceiro ano consecutivo, a cidade de Campo Verde (MT) é um dos polos de seleção morfológica da raça Crioula na área de expansão e se consolida de vez como uma das sedes que distribui vagas para a Morfologia da Expointer. Sob a organização do Núcleo Matogrossense de Criadores de Cavalos Crioulos (NMCCC), a mostra Passaporte do município, realizada nos dias 8 e 9 de julho, garantiu mais oito habilitados, valorizando principalmente a evolução e o potencial local com as vitórias de Uma Bala do Barrozo e LGA Destaque.

O ponto alto da premiação foi o desempenho alcançado pela Estância Lagoa Funda, localizada em Campo Verde. Propriedade de Luiz Fernando Silva Guerreiro, que também é responsável por presidir o Núcleo de Criadores local, o estabelecimento garantiu quatro animais passaporteados para a Expointer, entre eles os dois grandes campeões da mostra. Mais do que puxar a fila dos vencedores, o resultado teve um gosto ainda mais especial para o criador, já que Guerreiro conseguiu colocar dois animais do seu próprio afixo, o LGA, nascidos em sua cabanha, entre os classificados. Uma vitória que vem para recompensar a atuação que, embora recente, tem mostrado uma evolução rápida e certeira. “Estou há seis anos na criação. Esse é o quarto ano em que consigo passaportear meus animais, mas o primeiro que entram cavalos com a minha marca, feitos por mim, o que me deixa com uma enorme satisfação”, conta. Feito inédito e importante não só para o criador, mas para toda uma região que avança em termos de seleção da raça.

Na região, não há mais o que provar. Chegando à terceira edição de sucesso do evento, a regra agora é manter e evoluir. Conquista de um local que, além de lidar com as dificuldades naturais de criação de qualquer animal, ainda enfrenta desafios como a adaptação da raça ao clima regional, a localização geográfica e a carência de mão de obra qualificada. Mesmo diante disso, segue em frente colhendo os frutos de um trabalho feito por um grupo de pessoas que carrega a maior das motivações: a paixão pelo cavalo Crioulo.

Em pista, 42 animais confirmados passaram pelo julgamento da penúltima Passaporte do ciclo – quantidade que, conforme o regulamento, garante a habilitação de oito animais à Expointer.  Do total de participantes, em torno de 78% são de propriedade de expositores do próprio estado, número que mostra a força e o engajamento dos criatórios locais. Além disso, animais provenientes de Santa Catarina, Paraná e São Paulo completaram o grupo que se apresentou no Parque de Exposições Marco Antônio Esteves da Rocha, programação que ocorreu dentro da principal Exposição Agropecuária do município, a Expoverde.

De acordo com Guerreiro, a opção por começar as seletivas a nível nacional no estado com o investimento em uma disputa morfológica foi estratégica para o fomento, gerando resultados palpáveis a curto prazo. “A gente começou com a Passaporte pensando que seria o ideal para agregar os criadores, os animais e também para expor a raça para a região. E ver, a cada ano, que estamos no caminho certo nos deixa bastante satisfeitos”, comenta.

Pra comprovar que a região está mesmo na direção certa, nada melhor do que a visão de alguém que vem de fora e carrega a experiência com a raça na bagagem. Aos olhos do jurado do evento, o criador catarinense André Luiz Narciso Rosa, em sua primeira visita ao Mato Grosso como avaliador, foi uma grata surpresa encontrar a qualidade demostrada dentro da pista e também fora dela. “Assim como em todo lugar, aqui encontramos as fêmeas em um nível acima dos machos.  São éguas que cabem em qualquer manada e representam a raça. Também quatro bons cavalos, cada um com sua particularidade”, comentou o julgador aos presentes. “O Mato Grosso está bem servido, muito bem representado, tanto pelos animais como pelos criadores aqui presentes”, completa, fazendo questão de parabenizar os proprietários locais pelo trabalho que vem sendo desenvolvido.

Não só o que foi apresentado na disputa oficial chamou a atenção. As seis fêmeas que compuseram a categoria Incentivo impressionaram o jurado e o público presente. Tanto por se tratar de um grupo com potencial e qualidade racial evidente, quanto por ser uma fila formada inteiramente por exemplares nascidos no próprio estado do Mato Grosso. Característica essa que faz aumentar ainda mais a certeza de um futuro promissor para a criação regional.

Além da tradicional confraternização e troca de experiências entre os participantes, a mostra reservou um momento para aproximar ainda mais os criadores locais e a Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC). Uma mesa redonda contou com a presença do vice-presidente de Núcleos, Eduardo Suñe, representando a entidade junto do jurado do evento e do técnico Rafael Fagundes Sant’anna. Na ocasião, os integrantes do Núcleo puderam ter uma conversa aberta, expondo as demandas da região, fazendo sugestões e esclarecendo dúvidas.

A mostra em Campo Verde foi a décima-sexta seletiva Passaporte da temporada. A supervisão técnica do evento esteve a cargo de Rafael Sant’anna, profissional credenciado à ABCCC. A partir de agora, a última Exposição Passaporte, em Brasília (DF), e a prévia morfológica em Esteio (RS) são as chances finais de chegar à Morfologia da Expointer. Organizado pela ABCCC, o circuito da Morfologias conta com o patrocínio de Vetnil e o apoio da Supra.

Confira o resultado         

 FÊMEAS

Melhor Exemplar da Raça e Grande Campeã
Uma Bala do Barrozo, criador Marcos Gomes Antunes e expositor Luiz Fernando Silva Guerreiro, Estância Lagoa Funda, Campo Verde/MT

Reservada Grande Campeã
Butiá WM, criador Sementes e Cabanha Butiá Ltda e expositor Luiz Fernando Silva Guerreiro, Estância Lagoa Funda, Campo Verde/MT

3ª Melhor Fêmea
Ursa da Boa Vista, criador Fazenda Boa Vista e expositor Gladir Tomazelli, Rancho Campeiro, Campo Verde/MT

4ª Melhor Fêmea
LGA Delicada, criador e expositor Luiz Fernando Silva Guerreiro, Estância Lagoa Funda, Campo Verde/MT
 
MACHOS

Grande Campeão
LGA Destaque, criador e expositor Luiz Fernando Silva Guerreiro, Estância Lagoa Funda, Campo Verde/MT

Reservado Grande Campeão
Embaraço do Purunã, criador Mariano Lemanski e expositor Elinton Silva Ferraz, Cabanha Tabapuã, São José dos Pinhais/PR

3º Melhor Macho
Faceiro da Fazfar, criador e expositor Ricardo Pinto Faria e Outro, Fazenda Faria, Piedade/SP

4º Melhor Macho
Veneno de Santa Angélica, criador Suc. de Paulino e Agenor de Ávila Costa e expositor Valdecio Rezende Fernandes, Rancho Cofre de Ouro, Dom Aquino/MT

Fonte: Francine Neuschrank/ABCCC

  • Compartilhe
  • <