Por Fora
das Pistas

Notícias

Sem cometer falta, o mirim Eduardo Coelho Barbara deixou a equipe Opus em boa situação para as qualificatórias de amanhã na Sociedade Hípica Paulista

14 de junho de 2019

Entre os jovens e amadores, 11 das 13 equipes do Longines XTC não perdem pontos na 1ª qualificatória

A jovem geração do hipismo brasileiro confirmou hoje (quinta-feira, 13/06), pela manhã, na sede da Sociedade Hípica Paulista, que está em ótima fase. Na primeira qualificatória da quarta etapa do Longines Xtreme Teams’ Challenge, campeonato que está sendo disputado por 13 equipes de praticamente todas as categorias do hipismo clássico (salto), 11 times formados por duplas das categorias mirins, jovens cavaleiros, amadores e masters empataram na primeira posição, com zero ponto perdido.

Na prova que permitiu um descarte do pior resultado de cada dupla, apenas duas equipes do LXTC terminaram com quatro pontos perdidos (uma falta): a Aurum e a Vitae, que ocupam respectivamente a sexta e a sétima posições do campeonato.

Assim, para as duas qualificatórias de amanhã (sexta, 14/06), da série de 1,30 metro, a partir das 8h30 da manhã, e a da série de 1,40 metro, às 13h30, as onze equipes entrarão zeradas e já levarão pequena vantagem para conseguir a classificação entre as oito melhores que disputarão a final do sábado (15/06), às 16 horas, que terá transmissão ao vivo pelo Fox Sports.

Como uma das principais atrações da 48ª Copa São Paulo da Sociedade Hípica Paulista, o campeonato Longines XTC promete ter acirradas disputas nas duas qualificatórias de amanhã, principalmente, na última, dos três cavaleiros mais experientes, onde são computados as faltas e os tempos acumulados dos dois melhores percursos, que definem os oito times que entram na final.

Os pontos perdidos acumulados das três qualificatórias e os tempos mais rápidos da última eliminatória servem apenas para definir a ordem de entrada das oito equipes na final. A com menos ponto e mais rápida é a última a entrar na pista. Ou seja, leva a vantagem de saber o que necessita fazer nas três pistas de seus cavaleiros para ultrapassar seus adversários.

Mas ser a primeira equipe das qualificatórias, ou seja, a última a entrar na pista, na final, até agora, não deu vitória para nenhuma delas nas três primeiras etapas. Na primeira, na própria Hipica Paulista, a equipe Artem foi a melhor das qualificatórias e terminou em terceiro. Na segunda, em Curitiba, a Vitae foi a última a entrar e terminou em sétimo. E na terceira etapa, no Clube Hípico de Santo Amaro, a Opus ficou com a vantagem de ser a última e terminou apenas no sexto lugar. Pelos resultados, sem dúvida, este campeonato vem comprovando que a pressão de ser o último a entrar na pista, atrapalha.

O Longines Xtreme Teams’ Challenge tem como líder o team Artem (vencedor da última etapa), dos experientes Bruno Pessanha, Artemus de Almeida e Gabriel Gouveia, com 76 pontos. Acumula 18 pontos de vantagem sobre a equipe vice-líder, a Opus (vencedora da etapa de abertura), com Giulia Del Canton Scampini, José Luiz Guimarães de Carvalho e José Roberto Reynoso Fernandez Filho. Em terceiro está o team Chrystallini (André Nascimento Xavier, Mariana Chaves e Thiago de Sá e Silva), com 53 pontos; em quarto, o team Exitum (André Moura, Luiz Felipe Pimenta Alves e Laura Tigre), com 51 pontos; e em quinto, o team Fortuna (Luis Piva, João Victor Marcon e Juliano Loureiro), com 49 pontos. Além de bem classificados, todos eles começam a qualificatória de amanhã com zero ponto perdido, já que seus representantes foram muito bem na primeira qualificatória de hoje, que apresentou este resultado final:

1º) Team Passion (Luciana Guimarães Lossio/Renata Scafuro), team Opus (Sergino Ribeiro de Mendonça/Eduardo Coelho Barbara), team Chrystallini (Fernanda Dib Gabriel/Mariana Moraes de Barros), team Fortuna (Henrique Maranhão/Ninna Babbe), team Opportuna (Laura Miranda de Moraes/Fabiane Baub), team Exitum (Augusto Bonotto Perfeito/Marco Antonio Modesto Filho), team Artem (Maria Luiza Vieira/Thais Balbino de Souza), team Auxilium (João Pedro Chaves/Sophia Rivera Porto), team Imperium (Camila Correa de Siqueira/Roberto Podval), team Equus (Isabela Luiza Tafner/Eduardo Pedreira de Cerqueira) e team Audacius (Maithe Marino/Flavia Junqueira Lopes), 0 ponto perdido;
12º) Team Vitae (Priscila Mariano Luminati/Maria Fernanda Severo) e team Aurum (Maria Fernanda de Oliveira Vitor e Luiza Tranchesi Massi), 4 pontos perdidos.

Esta é a programação restante do Longines XTC, na Sociedade Hípica Paulista:
Sexta-feira (14/06)
08h30: Qualificatória 2, série 1,30 metro, categorias JCT/PJR/AMT/MT
13h30: Qualificatória 3, série 1,40 metro, categorias JR/YR/SR
Sábado (15/06)
16h00: Final Longines XTC, série 1,40 metro, categorias JR/YR/SR

  • Compartilhe
  • <

Os comentários estão desativados.