Por Fora
das Pistas

Notícias

26 de dezembro de 2016

Em forma de alerta cavaleiros agem na memória de Angel

Um grupo de cavaleiros em Essex está fazendo campanha por estradas mais seguras depois que um cavalo foi morto em uma colisão com um carro.

No mês passado (17 de novembro), Laura Thorogood estava atravessando a pista no dorso de sua égua, Angel, quando o conjunto foi atingido por trás.

A Srta. Thorogood não foi seriamente ferida, mas Angel teve de ser sacrificada devido à gravidade de seus ferimentos. A colisão ocorreu quando a dupla se aproximava de uma curva na Lark Hill Road, Rochford.

Angel foi o quinto cavalo a ser atingido por um veículo neste trecho da estrada nos últimos anos. Desde a morte de Angel, os cavaleiros locais têm trabalhado para melhorar as condições na pista. Eles criaram uma petição pedindo uma redução no limite de velocidade, que atualmente é 60 mph.

Em 11 de dezembro, um grupo de cavaleiros e seguidores a pé participaram de uma caminhada ao redor da aldeia para aumentar a consciência da causa e incentivar outros a assinar a petição.

“Havia sete cavalos e pôneis incluindo nossa mascote Shetland, que muitas vezes anda neste trecho da estrada”, disse a amazona local Claire Lilly.

“A maioria dos outros cavaleiros da área ficaram com medo de se juntar a nós, devido ao que aconteceu com Angel. “É uma curva cega que nós estamos esperando a instalação de luzes de led piscando em ambos os lados dela”, disse ela.

A campanha foi apresentada ao painel de rodovias  e está programada para discussão adicional.

Fonte H & H

  • Compartilhe
  • <