Por Fora
das Pistas

Notícias

20 de novembro de 2015

Definidas as datas das classificatórias ao Freio de Ouro 2016

O roteiro das semifinais do Freio de Ouro 2016 já está definido pela Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC). A temporada começa em abril do ano que vem e contará com dez classificatórias que irão percorrer diversas regiões do Brasil e também os países vizinhos. No total as seletivas serão responsáveis por classificar 48 machos e 48 fêmeas para a final em agosto na Expointer, no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio (RS). Neste momento acontecem as etapas credenciadoras.

Com as mudanças no ciclo 2016 do Freio de Ouro, o número de classificatórias foi reduzido para dez, mas a quantidade de finalistas será mantida. O Rio Grande do Sul contará com quatro semifinais. A primeira classificatória será o Bocal de Ouro, exclusiva para os credenciados inéditos, entre sete e dez de abril, em Esteio. A classificatória Aberta de Esteio, será a segunda a ocorrer, de 17 a 22 de maio. Conforme o vice-presidente de Eventos da ABCCC, Luis Rodolfo Machado, o Bocal de Ouro e a Classificatória Aberta de Esteio definirão cada uma, oito machos e oito fêmeas.

O Estado também recebeu uma nova divisão. Na Região Norte, o município de Vacaria fará uma semifinal entre os dias dois e cinco de junho. Já na Região Sul, Bagé terá uma classificatória no período de nove a 12 de junho. Outras classificatórias regionais ocorrerão em Ponta Grossa, no Paraná, entre os dias 26 e 29 de maio, e em Araranguá, Santa Catarina, de 23 a 26 de junho. O competidor poderá escolher em qual desses Estados irá competir.

Entre sete e dez de julho, o município de Itú, em São Paulo, sediará uma classificatória aberta. Também está prevista uma semifinal em Brasília, no período entre 14 e 17 de julho. Já as duas classificatórias internacionais serão nas capitais da Argentina e do Uruguai e o calendário das provas vai obedecer os eventos de cada país.

As modificações no ciclo 2016 do Freio de Ouro ocorreram após uma avaliação dos ciclos anteriores e as questões apontadas pelos coordenadores de cada região, criadores e jurados da raça. O presidente da ABCCC, José Luiz Laitano, destaca que as mudanças tiveram como objetivo favorecer aos criadores no sentido de qualificar os eventos, além de diminuir o custo de operação e aumentar a chance dos cavalos correrem classificatória. “Existia uma demanda para estas mudanças há muito dentro da ABCCC. A ideia é puxar o ranking que traz sempre os melhores. Como é uma prova de seleção, nós temos que buscar a participação dos melhores em cada etapa, portanto,  foi uma conscientização da melhoria desse sistema”, salienta.

Classificatórias brasileiras ao Freio de Ouro

Bocal de Ouro em Esteio (RS) – 7 a 10 de abril
Classificatória Aberta Esteio (RS) – 17 a 22 de maio
Classificatória Regional Ponta Grossa (PR) – 26 a 29 de maio
Classificatória Regional Vacaria (RS) – 2 a 5 de junho
Classificatória Regional Bagé (RS) – 9 a 12 de junho
Classificatória Regional Araranguá (SC) – 23 a 26 de junho
Classificatória Aberta Itu (SP) – 7 a 10 de julho
Classificatória Aberta Brasília (DF) – 14 a 17 de julho

Fonte: AgroEffective/ Foto: Felipe Ulbrich/ABCCC/Divulgação

  • Compartilhe
  • <