Por Fora
das Pistas

Notícias

(Photo by Oxer Sport)

26 de novembro de 2018

Daniel Deusser e Tobago Z são vencedores do CSI5*-W Grande Prêmio Ifema

O Grande Prêmio do CSI5 * -W Madrid começou às 13:00 na Arena Principal do IFEMA. Uma prova que faz com que os estandes transbordem de pessoas ansiosas para ver os melhores cavaleiros do ranking internacional realizando impressionantes percursos com obstáculos a 1.60m.

Dos 40 participantes iniciais, apenas 10 conseguiram passar para o desempate. Um triplo bastante apertado foi o principal problema para a maioria dos conjuntos.

No entanto, uma curva muito próxima do obstáculo seis e o obstáculo nove, não ajudaram ninguém a terminar este percurso inicial sem faltas.

Cavaleiros de renome no cenário internacional, como os alemães Marcus Ehning e Ludger Beerbaum, ou os franceses Simon Delestre e Julien Epaillard, foram alguns dos participantes mais destacados desta categoria que não conseguiram zerar o primeiro percurso.

Nenhum espanhol foi capaz de fazer a rodada inicial sem falhas, sendo Laura Roquet Puignero a melhor classificada. “É muito importante ter etapa da Copas do Mundo na Espanha”, disse a catalão, “e apesar do fato de hoje não zerar, estou muito orgulhosa do desempenho de todos os espanhóis”.

Irma Karlsson com Ida van des Bisschop abriram o desempate e conseguiu ficar na terceira posição com um tempo de 48,28 segundos. O desempenho da sueca foi uma surpresa para muitos, já que ela não vem tendo resultados muito bons nos últimos três dias de competição.

O segundo posto foi do suíço Steve Guerdat, montando Ulysses des Forets, que conseguiu parar o relógio em 47,12 segundos. Apesar desta segunda posição, Guerdat permanece em primeiro lugar no ranking internacional. “Estou muito feliz com a temporada”, disse o suíço.

O primeiro classificado foi o alemão Daniel Deusser com o seu garanhão Tobago Z com um percurso impecável terminado em apenas 47,12 segundos.

“Eu fiquei realmente assustado quando vi Steve fazendo um percurso tão rápido”, disse Deusser, “mas no final é uma questão de sorte e você arrisca tudo”.

Depois de vencer este Grande Prêmio, o alemão elogiou o seu cavalo Tobago Z: “Ele é o meu número um. É o primeiro ano em que saltamos 1,60m e ele está constantemente a melhorar.”

  • Compartilhe
  • <

Os comentários estão desativados.