Por Fora
das Pistas

Notícias

17 de setembro de 2018

Cuidados com os cavalos recém-nascidos

– Se as narinas estiverem obstruídas, limpá-las com um pano;

– Se o clima estiver frio, friccionar o corpo para estimular a circulação sanguínea e a respiração;

– Se o cordão umbilical não romper no ato da égua se levantar, cortá-lo à uma altura de 2cm do umbigo e tratar com tintura de iodo;

– Se o reflexo de mamar não estiver presente dentro de duas horas, auxiliar o recém-nascido. Se o problema persistir é sinal de alteração clinica. Será necessária a presença do Médico Veterinário;

– Se não defecar dentro de 4 a 5h é sinal de retenção do mecônio, devendo ser introduzido o Fleet Enema via ânus.

– O colostro precisa ser ingerido dentro de, no máximo, 24h. Após este período, as membranas intestinais do recém-nascido não serão capazes de absorver os anticorpos presentes no colostro, imprescindíveis para transmitir imunidade passiva contra enfermidades nas primeiras semanas de vida.

– Mantenha na farmácia do haras um pequeno estoque de colostro refrigerado, para uso em situações de emergência.

– No caso de morte prematura do recém-nascido, deve ser adotado o aleitamento artificial à base de leite em pó apropriado para equinos ou misturando o leite de vaca na proporção de 750ml mais 250ml de agua pré-aquecida.

Fonte: Mundo Equino

  • Compartilhe
  • <

Os comentários estão desativados.