Por Fora
das Pistas

Notícias

(Ouest Imagem)

2 de junho de 2019

China, Tailândia e Polônia garantem a participação nos JO de Tóquio 2020

China, Tailândia e Polônia garantiram seus bilhetes por equipe nos Jogos Olímpicos de Tóquio de 2020 do próximo verão. A conquista aconteceu nas eliminatórias de CCE em Saumur (FRA) e Baborówko (POL) no fim de semana.

Esta será a primeira participação por equipe olímpica de CCE para a China e Tailândia, embora ambos tenham participações individuais em Olimpíadas anteriores.

As duas nações terminaram em segundo e terceiro lugar no qualificador olímpico FEI designado realizada em Saumur (FRA) para Grupos Olímpico F e G, que abrange a Ambos Belarus e Rússia também em campo equipes em Baborówko, o cenário para a qualificação olímpica Grupo C que abrange a Europa Central e Oriental e Central e Ásia .

Hong Kong terminou em quarto lugar, quando apenas um de seus três conjuntos passaram para a fase final de salto.

Japão, já assegurado na casa para o próximo verão, ficou atrás da China.

Vitória polonesa dupla em casa

Pawel Spisak, já quatro vezes campeão olímpico, levou sua equipe à vitória em casa na Baborówko e assim reservou para à Polônia um lugar nos Jogos do próximo ano.

Montando o seu Rio 2016 afirmou as honras individuais à frente do bicampeão olímpico, o alemão Michael Jung com Fischerchipmunk FRH.

Ambos Belarus e Rússia também por equipes em Baborówko, foram palco para a qualificação olímpica Grupo C cobrindo África e no Oriente Médio, sudeste da Ásia e Oceania.

No entanto, quando apenas dois dos bielorrussos e um russo completaram todas as três fases, os poloneses ficaram imperturbáveis no topo.

Grã-Bretanha, Irlanda, França, Alemanha, Austrália e Nova Zelândia já estão se preparando para Tóquio, tendo assegurado qualificação olímpica no ano passado no FEI World Equestrian Games ™.

O Japão, como país anfitrião, está automaticamente qualificado, mas a vitória em Saumur mostra que a equipe da casa vai estar bem no “mix” próximo verão.

Enquanto três equipes foram classificadas no fim de semana, ainda há espaços disponíveis para mais cinco equipes para compor o contingente total de 15 equipes para a modalidade CCE para Tóquio.

20 lugares individuais adicionais estão em disputa por meio dos rankings FEI Olímpicos para preencher a quota global de 65 entradas.

A oportunidade restante para as nações se qualificarem por equipe para Tóquio estão nos Jogos Pan-americanos em Lima (PER) no início de agosto e os FEI Campeonatos Europeus de CCE em Luhmühlen (GER) no final de agosto, sendo que ambos têm duas vagas acessíveis.
Além disso, a nação mais bem classificada no final da FEI Eventing Nations Cup ™ série 2019, que acabará em Boekelo (NED) em meados de outubro, também irá reservar o seu bilhete para os Jogos do próximo ano.

Fonte: FEI

  • Compartilhe
  • <

Os comentários estão desativados.