Por Fora
das Pistas

Notícias

Foto: Felipe Ulbrich/ABCCC/Divulgação

21 de junho de 2017

Chapecó recebe sétima classificatória ao Freio de Ouro

O ciclo do Freio de Ouro 2017 chega a Chapecó, no Oeste de Santa Catarina, de 22 a 25 de junho, no Parque de Exposições Tancredo Neves. A sétima seletiva da modalidade pode classificar até 16 conjuntos para a grande final da competição, que ocorrerá no final de agosto no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio (RS), durante a Expointer. A novidade é que esta classificatória junta pela primeira vez catarinenses e paranaenses, que vem despontando no cenário do Cavalo Crioulo nos últimos anos com títulos expressivos nas provas da raça.

Segundo o vice-presidente de Núcleos da Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC), Fabrício Rossato, com esta junção das classificatórias dos dois Estados em uma, a perspectiva é de uma prova de alto padrão e competitiva. “Tivemos um grande apoio dos núcleos nas realizações de credenciadoras dentro dos Estados onde participaram e credenciaram animais de alto nível competitivo. Portanto a expectativa é de um grande evento onde teremos uma maior visibilidade e qualidade de animais em pista”, analisa.

Para Luiz Gustavo Camargo, que será um dos jurados das fêmeas com João Luis Arísio e Manuel Vanderlei Braz Gonçalves, além de criatórios tradicionais que já vem deixando suas marcas há anos na raça Crioula, há um surgimento de novos criadores e usuários do cavalo e que estão obtendo resultados satisfatórios nas pistas, o que deve acirrar a disputa pelas vagas. “É a primeira vez que se juntou Santa Catarina e Paraná em uma mesma classificatória, e temos a expectativa de uma boa prova com qualidade e quantidade de animais participando”, observa.

Já Cláudio Neto de Azevedo, responsável pelo julgamento dos machos juntamente com João Francisco Silveira da Silveira e Luiz Mierkzynski Neto, salienta o investimento destes criadores de Santa Catarina e Paraná em qualidade, o que será refletido em pista durante a seletiva. “É um momento importante da raça nestas regiões com investimentos e gente entrando com muito potencial. Estes criadores não medem esforços para estes grandes eventos como é o Freio de Ouro”, ressalta.

Os números do crescimento da raça em âmbos os Estados falam por si. Em 2016, conforme dados da ABCCC, a raça Crioula teve crescimento de 7,58% em Santa Catarina, totalizando 19,84 mil animais, terceiro lugar no ranking nacional. O Paraná fica em segundo lugar, com 22,87 mil exemplares, alta de 5,74% no ano passado. Os dois Estados do Sul cresceram acima da média nacional, que foi de 4,35%.

O circuito 2017 do Freio de Ouro conta com o patrocínio de Ipiranga, Massey Ferguson, Ford e Supra. A realização é da ABCCC.

Confira a programação

22 de junho de 2017 (Quinta-feira)

9h – Inicio Admissão Classificatória – Fêmeas
10h – Término Admissão Classificatória – Fêmeas
10h – Inicio Admissão Classificatória – Machos
11h – Término Admissão Classificatória – Machos
13h – Julgamento Morfológico Classificatória – Fêmeas
15h – Julgamento Morfológico Classificatória – Machos

23 de junho de 2017 (Sexta-feira)

8h – Andaduras/Figura/VSP-Esbarradas – Fêmeas
13h30min – Andaduras/Figura/VSP-Esbarradas – Machos

24 de junho de 2017 (Sábado)

8h30min -Mangueira – Fêmeas/Machos
14h – Prova de Campo – Fêmeas/Machos

25 de junho de 2017 (Domingo)

9h – Fase Final (Mangueira/Bayard-Sarmento/Prova Campo)
12h – Encerramento e entrega de Prêmios

Fonte: Nestor Tipa Júnior/AgroEffective

  • Compartilhe
  • <