Por Fora
das Pistas

6 de abril de 2015

Cedric Angot é campeão do Grande Prêmio de Angola no Vilamoura Atlantic Tour

Neste domingo chegou ao fim o Vilamoura Atlantic Tour 2015. No sábado, 4, na cidade equestre decorreu a prova cabeça de cartaz do evento, o CSI4* – Grande Prêmio de Angola. Uma competição a contar para os Jogos Olímpicos de 2016, que teve como vencedor Cedric Angot.

Cedric Angot, campeão do GP

Cedric Angot, campeão do GP

No fim de semana de todas as emoções no Vilamoura Atlantic Tour, Cedric Angot foi a figura maior e arrecadou a primeira posição do Grande Prêmio de Angola, a prova mais importante da edição de 2015, que decorreu este sábado no Centro Hípico de Vilamoura. Com qualificação para os Jogos Olímpicos de 2016 e para o Europeu de 2015, este CSI4* com obstáculos de 1,60m, contou com a participação de um total de 50 cavaleiros na primeira rodada. Destes, 13 foram classificados para a segunda volta da prova, onde o conjunto composto pelo francês Cedric Angot e pelo cavalo Rubis de Preuilly acabou por ser o mais rápido, completando o percurso desenhado pelo chefe de pista internacional Stefan Wirth em 50s03.

O segundo posto ficou com o conterrâneo Philippe Rozier, com Unpulsion de la Hart, com a marca de 53s21, com duplo zero. Pela Suíça, Nadja Peter-Steiner, montando Capuera II chegou em terceiro, com um ponto perdido por excesso de tempo na segunda volta, em 59s09. No dia mais “quente” desta edição, a cidade equestre recebeu visitantes de todos os cantos do mundo e algumas das mais importantes personalidades do país. João Coutrim de Figueiredo, presidente do Turismo de Portugal, destacou a força desta competição internacional. “Este é um evento top pela quantidade impressionante de cavaleiros intencionais que atrai e pela qualidade da própria competição. É o tipo de acontecimentos que o Turismo de Portugal tem interesse em apoiar”, realçou.

Marcaram ainda presença Desidério Silva , presidente do Turismo do Algarve, Hugo Neves, vice-presidente da Câmara Municipal de Loulé e Sónia Neves, do executivo da Junta de Freguesia de Quarteira, assim como diversos dirigentes da Federação Equestre de Angola.

A edição de 2015 terminou no domingo, 5 de abril, após seis semanas de competição em que os melhores cavaleiros do mundo, oriundos de 35 países, mostraram o seu talento. Este ano, 26 provas contaram para o ranking internacional Longiness FEI – Federação Equestre Internacional e os dois últimos Grandes Prêmios foram qualificativos para os próximos Jogos Olímpicos no Brasil. No total foram distribuídos 825 mil euros em prize money.

“A competição não poderia ter corrido melhor. Estamos a crescer de ano para ano e acreditamos que a próxima edição será a consolidação da prova a vários níveis. Queremos tornar Vilamoura no maior destino hípico da Europa”, perspectivou o organizador António Moura.

Veja aqui o placar do GP.

  • Compartilhe
  • <