Por Fora
das Pistas

Notícias

22 de outubro de 2019

CCI-L 5 *: Os Campeões estão de volta!

O evento Pau 5-Star faz parte do seleto clube das competições de 5 estrelas. Apenas seis eventos em todo o mundo são qualificados ao mais alto nível e, na França, apenas o evento Pau 5-Star tem o rótulo muito procurado. Os campeões voltarão novamente este ano, de 24 a 27 de outubro.

De 24 a 27 de outubro, o Domaine de Sers em Pau receberá novamente a elite dos eventos internacionais. Nada menos que sete cavaleiros do top 20 do mundo, um campeão olímpico e três campeões mundiais deverão competir aqui na região dos Pirineus Atlânticos, mas apesar do impressionante histórico dos atletas na lista de estrelas, os cavaleiros menos conhecidos nos surpreenderam no passado galopando para a vitória em Pau. Embora uma grande delegação esteja chegando da Grã-Bretanha, a nação emblemática nessa disciplina equestre, a vitória pode vir de outros lugares. E por que não da França, assim como no ano passado?

Os melhores cavaleiros confirmaram sua participação
No topo da fatura da edição de 2019 do evento Pau 5-Star, cavaleiros da Austrália e da Nova Zelândia são apontados como favoritos em uma competição em que nem sempre brilharam no passado.

A última vez que um desses galopou para o primeiro lugar em Pau, remonta à vitória de Andrew Nicholson em Nereo em 2012. Este ano, o neozelandês Tim Price ficou em terceiro no mundo, em Ascona M ou Wescko e o australiano Chris Burton, no.5, no Quality Purdey, estará determinado a adicionar seus nomes à lista de prêmios da prestigiada competição em Pau.

O caminho para a vitória não será fácil, pois a Armada Britânica desembarcará em Pau com quatro de seus principais cavalos a bordo. Voando com as cores do Union Jack estão os Campeões do Mundo Gemma Tattersall (Chilli Knight ou Jalapeno), no 7 do mundo, Tom McEwen (Figaro vh Broekxhof ou Toledo de Kerser), no. 12 e Rosalind Canter (Zenshera) serão acompanhados por Izzy Taylor (Chame-me Maggie May), classificada no.17 do mundo.

Outros nomes no top 20 do mundo são o suíço Ludwig Svennerstal (Balham Mist, El Kazir SP ou Salunette), classificado no 13 e o japonês Kazuma Tomoto, montando Tacoma d’Horset, no 15, sem dúvida, farão sentir sua presença.

A corte francesa liderada pelo campeão olímpico Mathieu Lemoine
Desde 2015, o degrau mais alto do pódio sempre foi ocupado por um francês: Astier Nicolas (Piaf de B’Neville) em 2015, Maxime Livio (Qalao des mers) em 2016, Gwendolen Fer (Romantic Love) em 2017, e Thibault Fournier (Siniani de Lathus) no ano passado. Em 2019, a delegação tricolor será liderada por Mathieu Lemoine, campeão olímpico de 2016 no evento por equipe, e este ano ele escolheu montar Tzinga d´Auzay. No início deste ano, em maio, cavalo e cavaleiro chegaram em oitavo lugar no CCI-L 4 * em Saumur.

Ao lado de Lemoine, Arnaud Boiteau estará conduzindo Quoriano * ENE HN, quarto em Lignières há apenas algumas semanas, Benjamin Massie com Ungaro de Kreisker, segundo no CCIO-S 4 * em Pratoni del Vivaro em junho, Rémi Pillot montando Tol Chik du Levant, quinto no 3 * Long em Lignières e Regis Prud’hon com Tarastro ou Vanad du Plessis. No ano passado, em Pau, Siniani de Lathus competiu em sua primeira competição CCI 4 * (o nível mais alto na escala de competição da Federação Equestre Internacional, antes da reforma de 1º de janeiro de 2019, que introduziu um nível 5 *). Todo mundo sabe o que aconteceu depois … então, mesmo que os cavalos franceses estejam competindo no nível 5 * pela primeira vez em Pau, tudo é possível! Vejo você no próximo fim de semana!

Fonte: BLIZKO Comunicação

  • Compartilhe
  • <

Os comentários estão desativados.