Por Fora
das Pistas

Notícias

22 de abril de 2018

Aprovado projeto que autoriza PM a reproduzir cavalos no Paraná

Foi aprovado ontem na Assembleia Legislativa, em primeira votação, o projeto de Lei que autoriza a Polícia Militar do Paraná a promover a reprodução e criação de um plantel próprio de equídeos para uso nas unidades do Regimento de Polícia Montada (RPMon). Atualmente, os animais são adquiridos por meio de licitações. Embora realizadas com rigor administrativo e mediante exigências técnicas, nem sempre essas compras asseguram cavalos de alto padrão.

O projeto de Lei foi apresentado a pedido do próprio comando do RPMon e leva a minha assinatura e de mais três deputados: Luiz Claudio Romanelli (PSB), Pedro Lupion (DEM) e Márcio Pauliki (PDT). Uma minuta da proposta chegou a mim em outubro passado pelas mãos de uma grande amiga, a secretária da Comissão de Orçamento da Assembleia, Ana Beatriz. Foi ela quem intermediou a conversa com o comando do RPMon e que tem evoluído com muito sucesso.

De acordo com os militares, as aquisições via processos licitatórios não permitem um direcionamento de padrão de raça, sendo a corporação obrigada, por vezes, a ficar com os animais mesmo que de baixa qualidade genética. Nesse sentido, viabilizar a estrutura necessária para que o Centro de Veterinária da PM-PR possa promover a reprodução e criação de equídeos é a saída para assegurar padrões de estrutura física e comportamentais próprios para a atividade policial.

Além do policiamento ostensivo, os cavalos do RPMon também são utilizados para competições esportivas, como o hipismo, e na realização de um grande trabalho social, que é a equoterapia – tratamento interdisciplinar de crianças e adolescentes com deficiências psicomotoras. A equoterapia utiliza os movimentos do cavalo para proporcionar ao paciente equilíbrio, tônus muscular, flexibilidade, relaxamento e conscientização corporal.

De acordo com a proposta, a produção própria de equídeos poderá também gerar um excedente para ampliar o policiamento montado e fornecer animais a preço subsidiado para agricultores familiares. São diversas as possibilidades de destinação dos animais e material genético excedentes, de acordo com a proposta. A atividade de reprodução dos equinos do RPMon será realizada exclusivamente pelo Centro de Veterinária (Cevet), da Diretoria de Apoio Logístico da PM-PR.

O Projeto de Lei, no entanto, não impede que, se houver necessidade, sejam realizadas licitações para a aquisição de animais. A PM-PR mantém unidades de policiamento montado em Curitiba, Ponta Grossa, Vila Velha, Londrina e Cascavel. Com o plantel próprio, essa atividade poderá ser estendida para outras cidades.

Publicado na edição 1108 – 12/04/2018

Fonte: Popularp

  • Compartilhe
  • <

Os comentários estão desativados.