Por Fora
das Pistas

Acontece

Representante de São Paulo vence a prova forte do dia, classificatória para o GP Hyundai; foto: Beatriz Cunha

25 de setembro de 2015

Andre Miranda é o melhor na prova principal do Longines Rio Equestrian Festival

Desta vez foi o tempo o grande vilão. Dos nove conjuntos sem faltas na primeira passagem – de 60 da ordem de largada -, apenas dois conseguiram terminar todos os saltos propostos por Lucia Faria Alegria Simões dentro do tempo concedido. André Miranda com Didas de L´Esperance e José Luis Guimarães de Carvalho com Ariness Vant Wolferink Rcli. Os dois tordilhos então voltaram para o desempate da prova principal do primeiro dia do Longines Rio Equestrian Festival, na noite desta quinta-feira, na pista Roberto Marinho da Sociedade Hípica Brasileira. Miranda foi o primeiro a voltar a disputa contra o cronômetro e deixou claro que não queria correr riscos. Foi muito rápido. Parou o relógio em 34.83. José Luis entrou para tentar chegar no tempo do concorrente mas uma falta no começo do percurso tirou suas esperanças.

André Miranda estava seguro e satisfeito com o desempenho de seu cavalo. “Eu achei que poderia ganhar sim pois ele é um cavalo muito bom. Quando ele está em forma, como agora, ele é rápido e competitivo”, explicou o cavaleiro. Em relação ao vilão da prova, Miranda disse que achou o tempo bem justo. “Estava apertado, mas bem possível. Acho que temos que começar a treinar com tempos mais justos”, afirmou. E entra com confiança total no GP deste sábado, válido para o Campeonato Brasileiro Hyundai de Sênior Top. “Eu fui segundo neste GP do ano passado. Seu meu cavalo estiver bem acho que ele pode ganhar sim”, garantiu o campeão.

Na terceira posição da prova chegou Alberto Bento Sinimbu com Sharapova, seguido de Francisco de Mesquita Musa, Casadora Jmen, Artemus de Almeida e Quidam For Ever e Stepahnie Maciera com  Concristo, todos pelo Brasil e todos com apenas 1 ponto de penalidade por passarem o tempo permitido.

No sábado, o ponto alto do evento é a prova extra, a partir das 16 horas, em que o medalhista olímpico carioca Luiz Felipe de Azevedo vai tentar quebrar o recorde brasileiro e mundial de salto em altura em muro. O cavaleiro, conhecido como Felipinho, é recordista brasileiro de salto em altura (1982) com a marca de 2.31. Felipe também detém o recorde de 2.32 metros, desta vez num salto sobre um muro, na Piazza de Sienna, na Itália, conquistado em 2002. Felipinho vai tentar bater o recorde dele e o Mundial em salto sobre muro, que é de 2.40 metro e pertence ao cavaleiro alemão Franke Sloothaak (1991). No esquenta para competição, Azevedo passou 2.20 m no final de agosto no Haras Massangana, no Rio, o que o credencia para tentativa de quebra de recorde mundial.

No domingo, é a vez do GP Longines  –  Troféu Roberto Marinho. Instituído há 27 anos, o  Grande Prêmio do Troféu Roberto Marinho é um clássico do calendário hípico nacional.  Apenas cinco cavaleiros já venceram esta prova mais de uma vez e têm seus nomes gravados em duplicata no troféu perpétuo: Fabio Leivas (1988 e 1990), Vitor Alves Teixeira (1991 e 2000), Luiz Francisco de Azevedo (1995 e 2011), Rodrigo Ullmann Lima (2001 e 2002), e Rodrigo Sarmento (2004 e 2012).
Destes, Fabio, Vitor, Rodrigo Lima e Sarmento estão inscritos e vão tentar o tri.

As provas do Longines Rio Equestrian Festival vão de quinta a domingo. O evento é aberto ao público e a entrada é franca. Todas as competições serão transmitidas ao vivo e os resultados também podem ser conferidos online, em tempo real, através do site www.shb.com.br ou do aplicativo da SHB disponível para as plataformas Android e IOS.

O GP Longines – Troféu Perpétuo Roberto Marinho será transmitido ao vivo pelo SporTV e o GP Hyndai, passará em VT.

O Longines Rio Equestrian Festival conta com o apoio de Hyundai, Itaú, SporTV, AD Lifestyle, Artefacto, Feat, Osklen, Multiplan, Village Mall e chancela de FEERJ, CBH e FEI.

Resultados:

Prova 1 – CSI – 1.35m – 1 desempate
1- Estoril Cepel Jl Sitio Chuin/Livia Neves/BRA/0-0 32.80
2- Queenie RJ/Marcello Ciavaglia/BRA/0-0-32.98
3- Premiere Avignon/Pedro Junqueira Muylaert/BRA/0-0-33.42
4- Gipsy/Stephanie Macieira/BRA/0-0-34.52
5- Zortin JR/Marc Bettinger/ALE/0-0-34.55
6- Chanta Libre do Santo Antonio/Rodrigo Ullman Lima/BRA/0-0-34.57

Prova 2 – CSI – 1.45m -1 Desempate
1- Andre Miranda/Dida de LÉsperance/BRA 0- 0/34.83
2- José Luis Guimarães de Carvalho/ Ariness Vant Wolferink Rcli/BRA/0-4-39.31
3- Alberto Bento Sinimbu/Sharapova/BRA/ 1 p
4- Francisco de Mesquita Musa/Casadora Jmen/BRA – 1 p
5- Artemus de Almeida /Quidam For Ever /BRA -1 p
6- Stepahnie Maciera /Concristo/BRA – 1p

Fonte: CPC comunicação

  • Compartilhe
  • <